quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Tudo acontecer por uma razão.

Eu vim para o Texas para estudar Business, eu vim com um plano de estudar por dois anos, morar em um apartamento alugado e aproveitar a vida.

Hoje faz exatamente três meses que eu cheguei. Hoje eu sei que estarei me formando em Jornalismo talvez em dois ou três anos, não moro em um apartamento alugado e estou prestes a comprar um carro.

As vezes nossa vida não acontece da maneira e no tempo que a gente quer, mas o incrível é que a cada vez mais eu tenho certeza que tudo existe uma razão para acontecer.

Eu não planejei entrar no College que estou estudando, mas foi o único em que o processo para vim para cá deu tudo certo. Aqui não tinha o curso que eu queria (Marketing), mas foi o que a vida quis. Eu acabei vindo semanas antes do esperado e chegando exatamente no Texas um dia antes que eu queria, e acredite isso fez a diferença.

Não foi por acaso que tudo aconteceu, em um dia específico, eu estava na aula de orientação sobre o funcionamento e regras do college, uma mulher entrou na sala. Ela se apresentou e falou que era do grupo de Studio Media onde eles cuidavam e tratavam do jornal, tv e radio do College e eles iriam fazer três dias de experimento antes das aulas começarem para as pessoas poderem conhecer e participar do clube deles.

Eu não fazia ideia do quanto essa pessoa, e aquele dia iria mudar minha trajetória aqui. Eu decidi ir a esses três dias pois fazer parte desse "clube de jornalismo" sempre foi um desejo interno meu em que eu não podia fazer. No Brasil para ser um jornalista você precisa ter conexões, são poucas as oportunidades e um custo caro para uma boa faculdade. Eu fui na inocência, e acabei me apaixonando.

Minha primeira matéria foi publicada no primeiro jornal do "ano letivo" que começa em agosto e foi a história destaque para a capa. Pode ser apenas um jornal de um College, mas para mim aquilo foi tudo. Desde então eu passo quase 90% do meu tempo lá, escrevendo, estudando, trabalhando, ou relaxando.

Tudo que eu faço, eu faço com muito amor e dedicação, quando se trata do meu futuro, e meus sonhos eu não tenho preguiça. Eu estou me dedicando 120% nos meus estudos e em fazer parte desse clube. Mais irônico que pareça as coisas boas e as recompensas estão acontecendo muito rápido. Fui convidada para participar de uma competição de Jornalismo (Kemah - perto de Houston, TX) e uma conferencia de Jornalismo com Universidades e Colleges do Estados Unidos todo (Washington DC).

Se já não fosse bom o suficiente essas duas viagens foram pagas. Eu não tenho como ficar mais feliz com tudo isso. Eu vivi momentos incríveis e inesquecíveis com pessoas muito talentosas e divertidas.

Em Kemah, devido a alguns detalhes eu não pude participar do concurso, fiquei bem chateada na hora mais fui confortada pela  beleza e momentos vividos naquela cidade!  Kemah é com certeza um lugar que eu quero levar todos que eu puder para conhecer.

Em resumo a tudo isso, eu hoje todo dia vou dormir agradecendo a Deus a tosas as oportunidades que estão aparecendo para mim e toda a felicidade que estou vivendo. Todo dia eu paro e penso: Será que tem como eu ficar mais feliz? E a cada dia eu tenho mais certeza que a resposta é sim.

Ame o que faz, faça o que ama.


muito amor,

Ronnie

Nenhum comentário:

Postar um comentário