sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Atualização de algo que chamo de minha vida

Boa Noite (?)

Okay, tenho que confessar tenho tanta coisa para falar que nem sei por onde começar, na verdade sei!

ACABOU, FINALMENTE VOU ME FORMAR! 


Se ainda não entendeu, eu acabei p terceiro ano do Ensino Médio, mais conhecido como os piores três anos da minha vida.Não estou exagerando vocês sabem muito bem, acompanham de camarote esses três anos.

As vezes me pergunto se contar minha vida tão abertamente pode ser um problema, acho que só em um caso foi, talvez aquele que não quero mencionar o nome não tivesse lido, nossa amizade poderia ter sido melhor, mas de resto eu não me importo, não sei se já disse isso, mas minha terapeuta disse que se não tivesse esse blog como uma ferramenta de despejar meus sentimentos, provavelmente eu estaria em uma depressão.

Falando em depressão vou contar mais ou menos sobre o meu ano...

Como eu havia dito eu estava morrendo de felicidade, um sentimento gigantesco inexplicável que com o passar do tempo foi desaparecendo e toda aquela força voltou duas vezes pior só que dessa vez como dor, não sei explicar o porque e nem como, minha única resposta foi chorar, eu chorei por meses, desde os primeiros dias de aula até o começo de novembro. Confesso que cheguei a descontar minha raiva e ódio de maneiras que não deveria, mas não sei também se devo mencionar porque não em orgulho muito disso hoje, na época era apenas um meio de aumentar a minha dor.

Tenho umas suspeitas sobre o que me trouxeram para baixo, cada dia conseguia superar o outro, eu me via no fundo do poço, não chegava ao fim, um dia mais era um dia a mais de tortura, cansei de contar quantas vezes pensei em desistir de tudo, tudo mesmo. Não é fácil sofrer e não poder falar, não queria apoio de ninguém, porque naquele caso, ninguém podia ajudar. Foram consequências de acontecimento do ano passado  somados com novos desse ano, decepções, muitas decepções, encheção de saco, e mais decepção.
Não foi fácil mas eu descobri o que mais me fazia mal, e isso têm um nome bem comum: Escola

Cansei de falar de sofrimento porque GRAÇAS A DEUS tudo isso já acabou, passei de ano, e minha formatura é semana que vem! O tempo voou esse ano, quando me falaram que o último ano passa rápido eu não levei muito a sério, mas parece que foi ontem que era meu último primeiro dia de aula.
Minha terapia foi minha salvação, estou a duas semanas sem ir, mas nunca tenho algo ruim para contar a ela.

Descobri que não nasci para ter vida de vagabunda, cansei de não fazer nada no primeiro dia LIVRE da escola? pode isso? Preciso que minha mãe compre meus livros urgentemente.
Estou me preparando psicologicamente para uma semana bem agitada.
Começando com terça, arranjei um bico onde vou distribuir panfletos em lojas e prédios, isso farei também quarta, só que nesse dia tenho que sair mais cedo porque a tarde é dia da minha colação de grau.

No sábado é o dia em que estou mais ansiosa, não posso contar o que vou fazer, mas acredite, vou aprontar. Vou dizer algumas dicas: 500 pessoas, 7 cidades, São Paulo- Avenida Paulista e eu lá!
Logo depois domingo tenho um amigo secreto do pessoal da igreja, para minha sorte, alguém que já falei muito por aqui não vai, pelo menos estou torcendo para isso.
E  segunda que vem, é a festa de formatura, se nunca contei, mas a última que fui foi traumatizante, bebados por todo lugar, muita pegação, sozinha e machucada se resume o que foi aquela festa para mim, só quero ver o que será da minha. 
Houve 2 eventos com pessoal da igreja, dois que eu ia certeza, na pizzada só faltava comprar o ingresso, mas como entrei no regime (que a propósito já perdi 7 quilos), não iria pagar 25 reais para ver o pessoal comer e beber e  para beber água!
O segundo evento era a crisma da minha amiga, esse eu ia nem que fosse arrastada, era uma intimação minha presença e não uma opção, mas no dia descobri que não podia ir porque passei muito mal. Resumindo, esses dois eventos aposto que foram legais e tal, mas por sorte eu não fui, porque no final (Angel) foi e acredite não estou nem um pouco de ver, a partir de agora acredito fielmente na frase "Tudo acontece por um porque". Realmente, Deus escreve certo por linhas tortas.


Acho que se eu contasse como estou feliz vocês não acreditariam depois de tudo que passei esse ano, nem eu sei!
Passei na primeira fase da FUVEST em Letras, Jornalismo no Anhembi Morumbi e estou esperando o resultado do SENAC!

Sei lá o que esperar do que vem por ai!  Volto depois para contar como sobrevivi a tudo isso.


Nenhum comentário:

Postar um comentário